O Planejamento Tributário é uma ferramenta que objetiva identificar a sistemática de tributação que represente a menor carga tributária, bem como o melhor gerenciamento do fluxo de caixa para a empresa.

É elaborado a partir das informações constantes nos demonstrativos contábeis, nos livros fiscais, nas declarações encaminhadas à Receita Federal do Brasil e, quando necessário, de outros documentos auxiliares que julgamos aptos a indicar, de forma concisa, os valores para sua confecção.

Os resultados demonstrados no Planejamento Tributário permitem, consoante os documentos utilizados na sua elaboração, indicar a melhor forma de opção fiscal após a análise das sistemáticas de apuração através do:

  • Simples Nacional;
  • Lucro Presumido (regime de caixa ou de competência);
  • Lucro Arbitrado;
  • Lucro Real Trimestral;
  • Lucro Real Anual (estimativa ou com balancetes de suspensão/redução).

A execução do trabalho está fundamentada na observância aos preceitos legais vigentes à época de sua elaboração. Todavia, a legislação tributária brasileira é complexa e muitas vezes o mesmo dispositivo comporta mais de uma interpretação.

O trabalho inicia com a Fundamentação Teórica e indicação da legislação
utilizada contendo uma breve explicação a respeito das formas de tributação com o objetivo de trazer para o leitor o arcabouço teórico suficiente para a compreensão do trabalho.


Após a introdução, passa-se à análise da situação da empresa, à criação de cenários e à demonstração dos dados gerados através de explanações textuais e gráficos (analíticos e sintéticos). Isso possibilita ao empresário ter uma visão global da riqueza gerada, bem como do efeito da opção fiscal sobre o resultado econômico.

Para ilustrar, seguem exemplos dos dados que o destinatário do trabalho terá para basear suas decisões estratégicas:

Como seria o Planejamento para a sua empresa?

Entre em contato conosco!